Você investe na Bolsa de Valores e precisa de ajuda para calcular o Imposto de Renda sobre Renda Variável?

Os investimentos em Renda Variável tiveram um aumento bastante significativo nos últimos dois anos. Para se ter uma ideia, em dezembro de 2019, existiam cerca de 1,7 milhão de CPFs cadastrados na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo). Hoje, este número já está próximo dos 4 milhões e a apuração do Imposto de Renda sobre os resultados positivos ou a compensação de eventuais prejuízos sempre geraram dúvidas para os contribuintes, pois além de ser uma apuração muito trabalhosa, existem regras específicas para cada tipo de investimento, ou seja, a análise depende muito do produto investido.

O SERAC sempre atuou ajudando os investidores nos devidos cálculos para apuração do IRRV, mas para otimizar processos, e percebendo uma necessidade do mercado, desenvolvemos por meio do nosso próprio departamento de inovação e tecnologia, o sistema para a apuração do Imposto de Renda sobre Renda Variável. Sistema intuitivo, de fácil utilização, que ajuda o Contribuinte/Investidor na apuração dos lucros e prejuízos no que se refere à compra e venda de Ações, Fundos de Investimentos Imobiliários, ETF, e demais investimentos realizados no mercado da bolsa de valores. Com todas as informações imputadas pelo Contribuinte, o sistema apresenta todo o lucro apurado, eventuais prejuízos, efetua a compensação se necessário, emite o DARF para o recolhimento do tributo, além de consolidar as informações de todos os ativos no último dia do ano calendário, com os respectivos preços médios, com objetivo de ajudar na elaboração de Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda.

E para os contribuintes que optarem em calcular o Imposto de Renda sobre Renda Variável por conta própria, preparamos um e-book sobre este complicado tema, que explica toda a dinâmica da apuração do IR desde o primeiro investimento, seja no mercado nacional ou internacional, até o cumprimento da mais importante obrigação acessória da Pessoa Física, a Declaração de IR.

No que compete a Declaração de IR, obrigação anual que deve ser apresentada ao órgão fazendário caso o contribuinte invista em renda variável, independentemente do valor aplicado, e se auferiu lucro ou prejuízo, o SERAC conta com equipe especializada, com muitos advogados e contadores, para ajudar o Contribuinte/Investidor na elaboração e transmissão da Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda para a base de dados da Receita Federal do Brasil. Este trabalho consiste na análise de toda evolução patrimonial, rendimentos auferidos e despesas realizadas para o possível lançamento na DAA – Declaração de Ajuste Anual, além de considerar e analisar toda a tributação já realizada no ano calendário anterior em relação aos investimentos em renda variável, criptoativos, e dos investimentos no exterior.

Com experiência de mais de 25 anos no mercado nacional e internacional, atuando em mais de 20 estados da federação, com mais de 2.500 Clientes, e contando com mais 250 colaboradores, o SERAC pode ajudar na apuração mensal do Imposto de Renda sobre Renda Variável, na elaboração e transmissão da Declaração de IR para a Receita Federal do Brasil, ou proporcionar ferramentas sistêmicas e teóricas para atingir este objetivo.

Seguimos à disposição para mais informações pelo endereço de correio eletrônico serac@souserac.com ou pelo telefone/WhatsApp (11) 3729-0513.


Share article on

Related Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *